Home Embaixador Embaixada Relações bilaterais China ABC Serviço Consular Contactos  
 
 
 
 
  Home > Notícias
 
 
  China planeja melhorar qualidade do crescimento em 2015
 
  ( 2014/12/08 )
 
 
A China se centrará em impulsionar a qualidade e a eficiência do crescimento econômico para 2015 e vai aderir ao tema central de buscar progresso ao mesmo tempo em que mantém a estabilidade, segundo uma reunião de alto nível do Partido Comunista da China (PCC) realizada na sexta-feira.

O país se adaptará à "nova normalidade" da economia, manterá o crescimento econômico dentro de uma faixa razoável e enfatizará a transformação do padrão de crescimento e a reestruturação econômica, mostrou um comunicado publicado no fim da reunião do Birô Político do Comitê Central do PCC.

Para garantir um crescimento contínuo e saudável, assim como a harmonia e estabilidade social, o país trabalhará para conseguir avanços em reforma, ter um crescimento impulsionado pela inovação, melhorar o controle dos riscos e garantir a vida da população, indicou o documento.

É importante assegurar que a economia tenha um bom comportamento em 2015, já que será o fim do Plano Quinquenal (2011-2015) do país para o seu desenvolvimento econômico e social, um ano crucial para aprofundar as reformas e o primeiro para promover o Estado de direito de maneira integral, afirmou.

Em 2014, a China teve um crescimento econômico e social contínuo e estável, assim como uma situação positiva da economia no geral, mediante o aprofundamento da reformas, assegurando políticas macroeconômicas consistentes e estáveis, inovando as estratégias e os métodos de controle macroeconômico e realizando ajustes finos de políticas específicas, assinalou o documento.

Medidas como as anteriores podem gerar as condições favoráveis para a economia, com o objetivo de conseguir um desenvolvimento sustentado e saudável nos próximos anos. No entanto, existem algumas tendências que representam dificuldades e desafios para a economia e sociedade, que são necessários tratar de maneira adequada, segundo o comunicado.

 
 


Suggest to a Friend
       Print
E-mail to us