Home Embaixador Embaixada Relações bilaterais China ABC Serviço Consular Contactos  
 
 
 
 
  Home > temas actuais
 
 
  Ministério da Defesa Nacional da China comenta Livro Branco de Defesa do Japão
 
  ( 2014/08/11 )
 
 

O porta-voz do Ministério da Defesa Nacional da China, Yang Yujun, comentou neste domingo o Livro Branco de Defesa versão 2014, publicado pelo governo do Japão.

Yang disse que a publicação japonesa comenta impropriamente a razoável defesa nacional e construção militar da China, especula maliciosamente a transparência militar chinesa, a Zona de Identificação para Defesa Aérea sobre o Mar do Leste, e a "aproximação irregular" dos aviões militares da China e do Japão, de forma a exagerar a chamada ameaça chinesa e enganar a imprensa internacional. A China opõe-se firmemente e faz representações solenes sobre isso.

Segundo o porta-voz, a China persiste em seu caminho de desenvolvimento pacífico e na política defensiva de defesa nacional. A intensificação da defesa nacional e da modernização militar é direito legítimo da China, um país soberano. Ninguém pode comentar impropriamente sobre isso. A movimentação da tropa chinesa no território aéreo e marítimo da China é legítima e razoável, e também corresponde à Lei e regras internacionais. Nos últimos anos, a tropa chinesa tem promovido ativamente contato militar com o exterior e tem aperfeiçoado seu sistema de porta-voz. Os esforços chineses para ampliação de abertura ao exterior são testemunhadas por toda comunidade internacional. Por isso, as críticas feitas pelo Japão são infundadas.

O Livro Branco de Defesa versão 2014 do Japão desacredita a imagem da China e da tropa chinesa, com grande espaço de retórica demagógica. Isso demonstra a posição teimosa e a hipocrisia do Japão.

 
 


Suggest to a Friend
       Print
E-mail to us